Geral

UPA de Santa Fé continua recebendo participantes de `Festa Rave` de Ilha Solteira

02 Jan 2020

Dezenas de pessoas  participantes do “Yanomani”, festival de música eletrônica "Festa Rave" que acontece desde a última sexta-feira (27), na “Ilha Paraíso”, que fica próximo da divisa entre Ilha Solteira e Santa Fé do Sul, lotaram os hospitais destas duas cidades, com suspeita de intoxicação na terça (31).

Um ônibus, cheio de participantes do festival, chegou ao hospital na manhã desta terça-feira (31), pouco antes das 10h00. A informação é que a UPA de Santa Fé do Sul também ficou lotada.

Segundo informações das víimas, os primeiros sintomas teriam começado a surgir na noite desta segunda-feira (30), começaram a procurar uma unidade de atendimento que funciona dentro do festival.

Em pouco tempo, a procura se multiplicou e os doentes passaram a ser levados para Ilha Solteira e Santa Fé do Sul.

De acordo com reportagem da Rádio de Santa Fé, participantes relatam dor de barriga, náusea, tontura, dores de estômago e diarreia.

A suspeita principal é de intoxicação pela água, não se sabe se pelo consumo ou pelo banho no local, mas não há nada confirmado por enquanto.

O Hospital de Ilha Solteira informou que um grande número de pessoas passou pelo local nesta terça-feira, mas nenhum com gravidade e sem necessidade de internação.

Todos foram avaliados, orientados e tomaram medicação. O Festival Yanomani reúne desde sexta-feira cerca de 4 mil pessoas, vindas de várias parte do país.

É o maior evento de música eletrônica já realizado no local. A maioria das pessoas está acampada no local e parte produz o próprio alimento.

Também há praça de alimentação funcionando durante o evento. A ilha possui, ainda, uma prainha, bastante frequentada.

Vale ressaltar que o local também sedia o “Atlântida”, outro festival de música eletrônica realizado com sucesso anualmente.

Mas problema do tipo nunca foi registrado.

A organização do festival, por enquanto, não se manifestou. A informação é que a água do local já estaria sendo analisada.

Apesar da gravidade do ocorrido, as autoridades competentes de Ilha Solteira não tomaram qualquer providência visando a paralisação do evento. Ainda nesta quinta-feira (2), a Upa de Santa Fé do Sul atendeu vários participantes da referida festa com os mesmos sintomas dos atendimentos anteriores.


Rapaz tenta matar irmão com facada no pescoço na região
Período de transferência de alunos da rede estadual vai até 4ª