Saúde

Pereira Barreto confirma mais duas mortes por leishmaniose visceral em 2022

27 Jun 2022
131

Pereira Barreto (SP) confirmou na sexta-feira (24) mais duas mortes por leishmaniose visceral. Neste ano, a cidade já registrou quatro casos da doença em humanos e três mortes.

A Secretaria de Saúde não divulgou as identidades das vitimas, mas informou que as mortes aconteceram nos dias 7 e 17 de junho. Os moradores viviam nos bairros Apolinário Pires e Lapinha.


A primeira morte do ano foi confirmada no dia 30 de maio. O paciente era um homem, de 59 anos, que estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital de Ilha Solteira (SP).

A prefeitura informou que já fez um bloqueio em toda a cidade e que está se programando para realizar um mutirão de combate à dengue e à leishmaniose nos próximos dias.

Para evitar casos de leishmaniose é necessário que os moradores mantenham os quintais limpos e livres de acúmulo de matéria orgânica e madeiras.

A leishmaniose visceral é uma doença infecciosa causada pelo mosquito-palha. A transmissão ocorre quando fêmeas do mosquito picam animais infectados, e depois picam o homem, transmitindo o protozoário.


Sintomas da leishmaniose em humanos

  • Febre;
  • Perda de peso substancial;
  • Inchaço do baço e do fígado;
  • Anemia.

A doença pode ser fatal se não for tratada em 90% dos casos.


Sintomas da leishmaniose em cães

  • Emagrecimento;
  • Vômitos;
  • Fraqueza;
  • Queda de pelos;
  • Crescimento das unhas;
  • Feridas no focinho, orelhas e patas.

Matéria feita por:G1 Rio Preto e Araçatuba


Ex-dupla sertaneja é presa por tráfico de drogas durante operação da Polícia Federal no interior de SP
Rubineia recebe nova ambulância e caminhão pipa