Santa Fé do Sul

O Sincomércio através de Noril Kobayashi e Associação Comercial de Santa Fé do Sul, buscam alternativas para frear transmissão da Covid-19

22 Jun 2021
973

Uma reunião realizada no dia de ontem (21), a respeito do combate ao Covid-19, onde se colocou em pauta os bares e lanchonetes. Na reunião estavam presentes 4 empresas do seguimento onde pode-se conversar para estabelecer medidas que podem ser melhoradas pelo ponto de vista do comerciante.

De acordo com Norio Kobayashi, representante do Sincomércio de Santa Fé do Sul, os comerciantes estão tendo dificuldade em relação aos consumidores, o que para ele deve-se parar de achar um culpado e entender que o problema é de todos e a solução depende de todos.

Um dos questionamentos na reunião foram a respeito dos estabelecimentos cujo são oferecidos o narguilé e tereré, onde a pessoa compartilha o bocal que é algo inapropriado e foge daquilo que chamamos de cuidados contra o Covid-19.

Ainda em entrevista com Sr. Norio, ele diz que esta realizando reuniões com todos os seguimentos, já foram realizados reuniões de conscientização com os supermercados, setor de alimentação, lojista e a partir do dia de hoje (22), será realizado reuniões com os municípios da região.

O que sabemos é que para que o vírus não se prolifere, é necessário que todos sigam a risca os protocolos, como realizar o uso correto da mascara, realizar limpeza periódica das mãos com o álcool em gel, bem como não realizar aglomerações (festas familiares, festas clandestinas, etc.).

“A solução da pandemia passa por cada um de nós, pela contribuição de cada um e sabemos que com inteligência e consciência de que temos que isolar o foco do vírus para conter a transmissão”, concluiu Norio.

Mestre de obras ​é assassinado com seis tiros
Quase uma tragédia. Caldeira de Indústria perde parte e queima funcionário