Geral

Filho jura vingança e mata com seis tiros homem que matou seu pai

01 Abr 2021
512

Na História de hoje vamos narrar a vida de um garoto de 9 anos de idade que hoje é meu pai e que perdeu seu pai com um tiro nas costas por uma rixa entre vizinhos. Na época meu avô havia vendido algumas cabeças de gado para o vizinho que até então era amigo de meu avô, no entanto o vizinho se recusou a paga-lo, foi aí que tudo começou. Onde havia amizade acabou se tornando inimizade e quando eles se encontravam eram xingamentos de ambos os lados, minha avó pedia ao meu avô que ele esquecesse a divida do vizinho, mas, meu avô não aceitava, dizia que se ele não pagasse iria mata-lo, assim, ele nunca mais passava a perna em ninguém.

Um certo dia, meu pai ao ver meu avô saindo de casa, foi até seu encontro e pediu que fosse junto, no entanto o avô não quis que ele fosse, era rotineiro meu pai acompanhar meu avô em todo lado e justamente aquele dia ele não queria que meu pai fosse, mas com muita insistência e com a ajuda da minha avó, consegui acompanha-lo. Foram até a porteira do sítio do meu avô que fazia divisa com o sítio do vizinho, foi ai que o vizinho saiu de trás de uma moita, e atirou nas costas de meu avô que caiu e faleceu ali mesmo, para meu pai foi uma imagem horrível e que ao ver saiu correndo chegando a casa de minha avó aos prantos contando que meu avó havia levado um tiro e desesperado falando que morreu.

Foi ai que surgiu o desejo de vingança em meu pai, de vez em quando meu pai falava a minha avó que a morte do meu avô não foi em vão e que ele ainda mataria o vizinho pelo o que ele fez e agora narro a história de meu pai e como tudo acabou clicando aqui!

Administração Municipal adota novo protocolo para tratamento inicial da COVID-19
Guarda Municipal e Polícia Militar realizam operação em Águas Claras