Política

É aprovado pela Câmara o adiamento das eleições

02 Jul 2020
210

No dia de ontem (01), a Câmara dos Deputados aprovou a proposta que adia as eleições para prefeitos e vereadores para os dias 15 e 29 de novembro em razão da pandemia do COVID-19, proposta essa que encontrava resistência na Câmara.

A Câmara fez duas mudanças na proposta, que retirou a possibilidade do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidir sozinho, no caso de condições sanitárias em um município não permitirem a realização das eleições em 15 de novembro, um adiamento ainda maior com limite máximo até 27 de dezembro. A segunda mudança é a retirada de um trecho sobre o TSE promover a adequação das resoluções que disciplinam o processo eleitoral.

Essas supressões não fazem com que o texto retorne ao Senado. A PEC deve ser promulgada pelo Congresso nesta quinta-feira (2).

Apesar das eleições terem sido adiada, a posse de eleitos foi mantida para 1 de janeiro de 2021.

Morador de Votuporanga perde R$42 mil em falso leilão
Dezesseis bovinos morrem atropelados por caminhão na região